18 outubro 2013

Oração para o momento da oração

Com base na leitura do Livro I das Institutas de Calvino

Deus querido,

Que ao orar eu tenha uma consciência mais profunda de quem o Senhor é: Pai, Filho e Espírito Santo. E, correlativamente, que eu tenha uma compreensão melhor de quem sou: já firmei compromisso contigo para sempre, mas há cadeias em mim que me impedem de corresponder plenamente a esse compromisso. Assim como no casamento: amo o André e já firmei compromisso para sempre com ele, mas há cadeias em mim que me impedem de viver mais plenamente o chamado de amor, submissão e dedicação.

Que eu me veja, sempre, como a principal dos pecadores (1 Tm 1.15), mas que ao mesmo tempo possa olhar para a minha história, para todos os Teus feitos em mim, e exclamar como o apóstolo: "Sou o que sou pela graça de Deus" (1Co 15.10). Sei que essa adequação está estreitamente correlacionada com o que penso do Senhor, por isso, move meu pensamento para mais perto dos Teus. Amém!

Um comentário:

Sueli Loiola disse...

Olha Norma, eu tenho o mesmo sentimento que vc descreveu aqui. Estava pensando na terça, num momento de oração que tive com a Mocidade da minha igreja, quantas vezes eu me "dispus" a fazer algo pelo Senhor e momentos depois desisti por algum motivo. São incontáveis esses momentos. A mim causam vergonha e ao mesmo tempo tenho a visão de que se Deus não agir em mim eu estou perdida. Enfim, essa oração é um pouco da minha também por sentir a necessidade de que DEus me liberte das minhas amarras todos os dias. Fique com Deus. BJs